Blog da Manu

Corupá Extreme Marathon

Depois de alguns meses sem competir, fico feliz em constatar que a temporada 2015 começou. Embora a corrida seja um esporte que eu amo fazer, sempre finalizo o ano com vontade de relaxar e esquecer o compromisso diário. Acho até que esse descanso é mais exigido pela mente do que pelo corpo. O ano de 2015 começou um pouco antes do planejado, quase como um susto!

O circuito TRC vem se firmando com excelência e exigência em suas provas, aliado à parceria com a The North Face. Eu, como atleta The North Face e amante do Trail Run, não pude deixar de conferir de perto a primeira etapa do circuito: Corupá Extreme Marathon.

A decisão de correr veio na semana da prova, mas como venho me preparando para uma prova mais longa, senti que seria um ótimo treino, uma grande oportunidade de interagir com a comunidade do Trail Run numa região onde nunca corri, e de prestigiar meu patrocinador.

Na sexta feira à noite, enquanto escutava o briefing, eu olhava para o lado de fora espantada com o dilúvio que caía. Corupá é uma região onde faz muito calor e toda aquela água era uma consequência da temperatura alta que se instalou ao longo do dia. Embora reforçada no briefing a questão da lama no circuito, eu já sabia que pegaria um percurso bastante pesado e técnico pela frente. Eu estava animada.

Sábado às 7:00 largamos rumo aos 42kms de corrida em montanha. Eu estava um pouco sonolenta e logo que comecei a correr senti moleza nas pernas, mas por sorte o trecho inicial era plano e isso me deu a chance de “acordar” e aquecer aos poucos. Ao encarar a primeira subida eu já me sentia um pouco melhor e gradualmente entrei na prova.

A subida inicial acontecia num estradão de terra e ao chegar no quilômetro 13, passamos no primeiro abastecimento onde estava a entrada da trilha. Ali começou o atoleiro! No meu primeiro passo eu afundei até o joelho e percebi que daquele ponto em diante a prova seria pura aventura. O single track (do qual foi falado no briefing) era bastante travado, com muitas pedras, lama, trechos por dentro de rios e todos os ingredientes que gostamos.

Eu estava me divertindo muito. Forçava na medida do possível, pois muitas vezes a progressão do terreno é lenta, e quando me dei conta já havia passado da metade da prova. Peguei uma descida muito lisa e com muita lama. Era necessário correr com atenção e mesmo assim tomei alguns tombos. Me deparei com a caramanhola da IBS no chão e sabia que ela havia caído da pochete do meu amigo Chico Santos. Eu torcia para que ele não estivesse em apuros sem ela.

Estava quente, mas não tanto. Acho que me acostumei a treinar no calor infernal do Rio de Janeiro e por isso suportei bem o calor de Corupá. Me preparei mentalmente para uma prova muito difícil e isso me ajudou, pois eu encarava o percurso com a cabeça muito boa. Ao juntar com a prova dos 23 quilômetros eu motivava os corredores pelos quais passava. O ambiente da corrida é uma verdadeira festa e isso fica muito nítido numa prova. Depois de encarar a subida final eu sabia que todo o trecho que restava era plano ou levemente inclinado e isso me deixava mentalmente mais forte.

Ao chegar no asfalto eu sabia que já estava muito próxima de fechar a prova. Ali sim fazia bastante calor, mas eu sabia que não sofreria com isso por muito tempo. Eu corria apreciando a beleza das montanhas a minha volta.

Ao chegar no trecho de paralelepípedo eu já identificava os lugares por onde passava. Algumas pessoas que assistiam aplaudiam e me motivavam. Eu estava me sentindo forte, feliz e com dever cumprido. Sabia que tinha feito uma ótima prova, redonda, sem erros na alimentação, hidratação ou equipamentos. Cruzei a meta em primeiro lugar, botando o pé direito em 2015 e comemorando bastante.

Gostaria de parabenizar todos os corredores, a organização TRC e The North Face pelo sucesso do evento. Gostaria de agradecer a simpatia e torcida de todos que me acompanham. Agradeço também meu patrocinador The North Face e meus apoiadores DVitaminas, IBS, Recoveryou, Espaço Nirvana, Compressport Brasil e Kofukan.

6 comentários para “Corupá Extreme Marathon

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>